A Dieta dos 2 Dias – jejum intermitente

A Dieta 5:2 - jejum intermitenteA dieta dos 2 Dias, também conhecida como a dieta 5:2 é a nova dieta, que consiste em “comer cinco dias e jejuar dois”. Sendo por isso também camada dieta do jejum intermitente

Desde 2012 que este método de emagrecimento tem entusiasmado a muitos adeptos e seguidores em todo o mundo.

O que significa dieta 5:2?

A dieta dos 2 dias foi criada pelo médico Inglês Dr. Michael Mosley. É fruto das suas investigações, pesquisas e ensaios clínicos ao redor dos benefícios do jejum para a saúde.

Assim nasceu a dieta 5:2, uma dieta rápida que permite perder peso, ficar saudável e viver mais tempo. Conta com a colaboração de outros médicos, porque a dieta 5:2, para além de promover a perda de peso, reduz o risco de doenças cardiovasculares e o cancro.

Os números 5:2 quer dizer: cinco dias por semana pode comer normalmente, ou seja pode comer o que quiser, mas de forma equilibrada sem exceder as 2000 calorias diárias. O 2, significa que durante os outros 2 dias vai consumir apenas um quarto das calorias que consome habitualmente, isto é, os homens podem consumir cerca de 600 calorias por dia e as mulheres 500 calorias por dia.

Dieta dos 2 Dias – dieta do jejum intermitente

O objetivo principal da dieta 5:2 é reduzir a ingestão calórica durante 2 dias por semana. Isto quer dizer, que  só fazemos dieta dois dias por semana, nos outros dias podemos comer de forma normal (mas nunca ir além das 2000 calorias diárias). Durante esses dois dias a Mulher deve ingerir 500 calorias e o Homem 600 calorias.

Os 2 dias de jejum a escolher pode ser quando cada um quiser, contudo o Dr. Mosley recomenda a segunda-feira e a quinta-feira. Estes 2 dias de jejum, não significa dias de passar fome, mas sim, dias de reduzir calorias, isto é comer pouco.

Durante os dois dias de jejum, deve ser feito apenas duas refeições por dia, o pequeno-almoço e o jantar. De uma refeição à outra vai passar 12 horas. Ao fazer longos intervalos entre as refeições, de acordo com o Dr. Mosley, tem a função de permitir o descanso do organismo, de modo que toda a energia se concentre em reparar o organismo, o que vai favorecer bastante a saúde.

Segundo conta no seu livro, a ingestão calórica nos últimos 30 anos aumentou bastante. As 3 refeições principais e os 2 lanches pequenos, como é recomendado habitualmente com a finalidade de comer várias vezes pequenas quantidades, não funciona, porque infelizmente, acabamos por comer mais do que deveríamos.

Os nossos antepassados mais remotos não comiam tantas vezes por dia. Eles passavam longos períodos de tempo com escassez de alimentos e os períodos de abundância de alimentos ocorriam ocasionalmente. Os nossos corpos e os nossos genes foram criados num ambiente de escassez, não estão adaptados aos tempos atuais, onde sempre há uma ingestão constante de alimentos.

O jejum, apesar de respaldado por muitos estudos científicos ainda é visto, por muitas pessoas, como uma coisa bastante excêntrica, fora do comum.

Como fazer a dieta dos 2 Dias?

A dieta do jejum intermitente, consiste em que, cinco dias por semana deve comer normalmente e dois dias por semana deve reduzir calorias. Nesses dois dias a mulher vai comer apenas 500 calorias, e o homem 600 calorias. As calorias são divididas entre as duas únicas refeições por dia – o pequeno-almoço e o jantar. Estes são os passos principais para seguir bem a dieta dos 2 dias:

  • Deve-se respeitar a regra 5:2. Cinco dias de alimentação normal e dois dias de jejum.
  • A dieta 5:2 não pode ser feita em dias consecutivos, quer dizer, não pode jejuar dois dias seguidos. Nem em dias alternados. Deve haver um espaço de 3 dias.
  • Pode comer o que quiser durante os 5 dias “normais” da semana, mas procure não ultrapassar as 2000 calorias diárias.
  • É livre de escolher os 5 dias de alimentação normal e os 2 dias de jejum. O Dr. Mosley recomenda a segunda-feira e a quinta-feira, para os dois dias de jejum.
  • Nos 2 dias de jejum, deve fazer 2 refeições: pequeno-almoço e jantar. Entre as refeições devem manter 12 h de jejum.
  • Nos dia de jejum, além das calorias que tem direito, pode beber água, chá e café.

O jejum e a perda de peso

O jejum e a restrição calórica tem demostrado ser uma forma saudável de prolongar a vida. No entanto, o jejum prolongado, como regime de perda de peso é desaconselhável, porque as pessoas que fazem jejuns prolongados perdem músculo e gordura. Depois, correm o risco de voltar a ganhar o peso perdido e, ainda mais.

No entanto, o jejum periódico, como aconselha a dieta dos 2 dias, é menos brutal e induz uma perda de peso regular sustentável no tempo sem afetar a perda de músculo.

O jejum periódico prolonga a vida

Além da perda de peso, o jejum melhora a nossa saúde e, consequentemente, a longevidade. As investigações do Dr. Mosley e de outros cientistas demostraram que a prática do jejum traz enormes benefícios para a saúde, isto porque a restrição de alimentos durante períodos de tempo, ainda que curtos, ou intermitentes, põe em funcionamento os chamados genes de reparação, que, como ele explica no seu livro, estão envolvidos na melhora da saúde, lutando contra o envelhecimento e as doenças.

 Benefícios da dieta 5:2

Além da perda de peso, esta dieta apresenta benefícios para a saúde como afirma o Dr. Michael Mosley e toda a comunidade médica que colaboraram com ele:

  • A dieta 5:2 reduz os níveis de insulina durante os dois dias de jejum, promovendo a perda de peso de forma natural e saudável
  • Faz reduzir os níveis da hormona IGF -1. O excesso desta hormona desencadeia o desenvolvimento das doenças do associadas ao envelhecimento
  • Reduz o risco de doenças como o Alzheimer, a diabetes, Parkinson e cancro
  • Aumenta a esperança de vida

A importância da proteína nos dias de jejum?

Nos 2 dias de jejum nunca deve cortar na proteína. É importante que consuma o mínimo de proteínas que o seu corpo necessita e beber também bastante líquidos. Isto é fundamental, porque muitas dietas levam à perda de músculo e água. Por isso, em muitos casos, quando a balança acusa os quilos a menos é a custa da água e massa muscular perdidos e não gordura.

Atualmente a quantidade necessária de ingestão de proteínas para cada pessoa deve ser entre 0,8 a 1,0 gramas por cada quilo do seu peso corporal. Para saber quanta proteína necessita o seu corpo, multiplique 0,8 g ou 1,0 g pelo seu peso. Veja o exemplo:

  • 60 kg (0.8 g/kg) = 48 g
  • 60 kg (1.0 g/kg) = 60 g

Neste exemplo, uma pessoa que pesa 60 kg, necessita por dia cerca de 50 a 60 gramas de proteína.

Nesta lista de alimentos e calorias para seguir a dieta 5:2, pode encontrar alimentos com poucas calorias para os dois dias de jejum.

A dieta 5:2 não é recomendada a grávidas, pessoas diabéticas, crianças e jovens menores de 18 anos.

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

One Response to “A Dieta dos 2 Dias – jejum intermitente”

  1. casimira maia diz:

    Eu tenho 1,65 peso 95k preciso muito de ajuda.

Faça um comentário