4 Hábitos de pessoas bem sucedidas na perda de peso

4 hábitos de pessoas bem sucedidas na perda de peso

Copiar certos hábitos de pessoas bem sucedidas na perda de peso, pode ser para muitos a solução definitiva para os seus problemas de excesso de peso.

Como sabermos perder peso exige uma mudança de hábitos e como tal envolve algum esforço, sendo isso talvez uma das razões pelas quais muitas pessoas com excesso de peso não conseguem emagrecer. Por outro lado, há pessoas que têm facilidade em perder peso com sucesso e mantê-lo a longo prazo. Mas qual é o segredo destas pessoas bem sucedidas?E se aplicássemos na nossa vida alguns dos seus hábitos!

Dois grandes registos de controlo de peso dos Estados Unidos, o National Weight Control Registry (NWCR) e o Global Healthy Weight Registry (GHWR), que desde 1994 acompanham e rastreiam os hábitos alimentares de pessoas que perderam peso e foram capazes de mantê-lo ao longo do tempo, e outras que sempre estiveram magras, revelaram 4 hábitos eficazes para perder e manter o peso.

Os participantes destes registos depois de preencherem um formulário com perguntas sobre o seu peso, como era a sua alimentação, se praticavam exercício físico, se faziam dieta ou utilizavam outros métodos para perder peso, deduzisse, com base nas suas respostas, que estes dois grupos têm em comum quatro hábitos bastante eficazes para perder e manter o peso. Adotar estes hábitos pode ser o caminho certo para quem deseja livrar-se definitivamente dos quilos a mais.

4 Hábitos de pessoas bem sucedidas na perda de peso

  1. Tomam o pequeno-almoço

Qualquer dos dois registros (NWCR e GHWR), revelou que mais do 80% dos participantes toma o pequeno almoço. Ora isto só vem a confirmar a importância do pequeno almoço para perder peso, e que tem sido demonstrada em muitos estudos. Tomar a primeira refeição do dia é fundamental para perder ou manter o peso, pois este bom hábito ajuda a controlar o apetite e as ânsias durante todo o dia. E quem toma o pequeno almoço geralmente consome menos calorias ao longo do dia. Na base de dados GHWR, ou seja, as pessoas que não têm sobrepeso ou obesidade, o 51% das pessoas têm por hábito consumir frutas e legumes para o pequeno almoço.

  1. Pesam-se regularmente

Outro hábito revelado por um dos registos (NWCR) é que o 75% dos participantes pesam-se pelo menos uma vez por semana, o que lhes permite tomar medidas logo que notam um pequeno aumento nos números da balança. Pesar-se com frequência faz com que a pessoa tenha uma atitude consciente e corrija rapidamente os hábitos que a levou a engordar. Por exemplo, se numa semana notou que as agulhas da balança subiram, isso a fará reflexionar e descubrir o que fez errado, se comeu mal ou demasiado, se não fez exercício físico, se não dormiu suficientes horas (dormir pouco pode promover o ganho de peso), etc. Tudo isto fará com que tenha mais cuidado e atue logo de seguida sobre os maus hábitos.

São muitos os estudos que evidenciaram os benefícios de pesar-se frequentemente. Parece que este hábito é particularmente importante para quem sofre de obesidade ou está muito acima do seu peso. No entanto é aconselhável pesar-se apenas uma vez por semana, pesar-se todos os dias pode desmoralizar, porque os resultados não veem de um dia para o outro.

  1. Fazem exercício físico

Outro bom hábito que se desprendeu de estes dois grandes registos de dados é a prática do exercício físico. Cerca de 90% dos participantes do NWCR (pessoas que perderam mais de 13,6 kg ao longo de um período acima dos 12 meses) praticam cerca de 60 minutos de exercício diários na maior parte dos dias da semana. No GHWR cerca de 42% dos participantes fazem exercício físico pelo menos 5 dias por semana. Isto vem mais uma vez confirmar, que a prática de uma atividade física conduz antes à perda de peso. Embora a alimentação desempenha o papel mais importante na perda de peso, no entanto a combinação de dieta e exercício são decisivos na obtenção de melhores resultados.

Comece com objetivos alcançáveis. Se não é capaz de empreender sozinho uma atividade física constante, recorra a um personal trainer para desenvolver um programa que o mantenha “em movimento” ao longo do dia. Também pode ir ao ginásio e rodear-se de pessoas com o mesmo objetivo. Mas qualquer que seja a sua escolha e adesão, o importante é manter-se firme de modo a atingir os seus objetivos.

  1. Não fazem dieta, mas comem de forma saudável

Entre os participantes do GHWR, o 74% diz não seguir nenhum regime alimentar em particular ou então, só ocasionalmente e o 48% nunca. O que eles realmente fazem são boas escolhas alimentares, onde priorizam frutas, legumes, proteínas magras e cereais integrais. Por exemplo, o 35% dos participantes come uma salada ao almoço todos os dias da semana. Fazem as suas refeições quase sempre em casa, o que quer dizer que evitam os excessos normalmente cometidos nos restaurantes onde há tendência a ingerir sempre mais calorias do que as que tomamos em casa, e o 37%  diz nunca beber refrigerantes ou bebidas açucaradas, e o 33% não bebe álcool.

Saber a razão porque algumas pessoas são melhores em perder peso do que outras, passa por conhecer os seus hábitos alimentares e estilo de vida. Embora muitos destes hábitos sejam conhecidos, pois não são novidade, mas sempre convém relembrá-los, talvez isso sirva de motivação para retomá-los e assumi-los como bases fortes e sustentáveis no tempo na luta contra o excesso de peso. As mudanças ao nivel da alimentação nunca devem ser temporárias. É importante mantê-las para o resto da vida. Os resultados refletem-se não só nos quilos a menos na balança, mas também na saúde.

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Faça um comentário