A água ajuda a perder peso?

A água é a substância mais abundante no corpo humano, 70 % do nosso corpo está composto de água. Cerca de dois terços desta encontra-se dentro das células, um terço no espaço intercelular e uma pequena quantidade no sangue.

Sem água não há vida! Podemos sobreviver cerca de 50 dias sem alimentos, enquanto que sem água sobreviríamos apenas alguns dias, dado que o corpo não tem a capacidade de acumular água extra.

A maioria das dietas emagrecimento aconselham beber muita água. Será certo que ajuda a emagrecer? Uma coisa é certa: beber água em vez de sumos ou refrigerantes, faz evitar a ingestão muitas calorias. Isso por si só, é já uma grande ajuda.

A importância da água

A água ajuda a perder peso

Para além de matar a sede, o corpo necessita água para manter os seus órgãos em pleno funcionamento. A água ajuda a regular a temperatura do corpo, transporta nutrientes, hormonas e anticorpos para o interior das células e arrasta toxinas para o exterior do corpo. Os rins, mas também a pele são os órgãos que regulam a quantidade de água no organismo. A água estimula o funcionamento dos rins e, consequentemente, a eliminação de toxinas através da urina, impedindo a concentração de substâncias tóxicas no corpo.

O organismo perde cerca de dois litros e meio de água por dia, através da pele, da respiração, das fezes, da urina, da transpiração. Esta perda de liquido deve ser compensada, de preferência bebendo pouca de cada vez e várias vezes ao longo do dia. Quem bebe poucos líquidos corre o risco de vir a ter problemas renais, mentais, digestivos, fadiga e problemas de circulação.

A água ajuda a emagrecer?

Será mito ou verdade que beber água realmente emagrece? É óbvio que a água é a melhor bebida numa dieta de emagrecimento, é sempre a melhor escolha, em vez das bebidas açucaradas. No entanto, isto não significa que a água emagrece, mas também não engorda. A água por si só não pode reduzir a gordura do corpo, senão que, segundo demonstraram alguns estudos, favorece o aumento do gasto metabólico.

Beber dois litros de água por dia representa um gasto calórico de 30 a 60 calorias diárias. Esta quantidade, embora pequena, faz da água um aliado nas nas dietas de emagrecimento.

A água tem zero calorias, é a melhor bebida para acompanhar as refeições em vez dos refrigerantes ou sumos que contêm muitas calorias. Além disso, enche o estômago o que aumenta a sensação de saciedade. Por isso beber água entre as refeições pode ajudar a evitar petiscar até à seguinte refeição. Um pequeno truque é beber um copo de água antes de começar a comer, vai encher o estômago ajudando a sentir-se satisfeito mais depressa, é uma maneira de enganar a fome.

As famosas águas que ajudam no controlo de peso

Como já referido, beber água por si só não faz emagrecer nem engorda. Perder peso, sem dieta e exercício físico não é possível, mas a água ajuda no controlo do peso. As águas engarrafadas mais indicadas são as que tenham a indicação de mineralização débil, nomeadamente as baixas em sódio.

São também muitas as formas de incluir a água na sua dieta. As famosas águas aromatizadas (todas sem açúcar), como a água com limão – uma ajuda para emagrecer, ou gengibre e o limão, ou com pepino, conhecida como a água Sassy da dieta barriga zero, e ainda as águas detox, mas também as infusões e chás não açucarados. Todas elas desintoxicam o organismo, purificam e eliminam toxinas e gorduras supérfluas.

Que quantidade tomar

O nosso organismo necessita de 1,5 a 2 litros de água por dia, uma vez que é essa a quantidade de liquido que o corpo elimina diariamente através da pele, pulmões, bexiga e intestinos. Beba cerca de dois litros por dia, mas cumpra esta regra: a maioria da água deve ser consumida fora das refeições, como mínimo 30 minutos antes e depois das refeições, não porque engorde mas para não dificultar a digestão, uma vez que a água dissolve as enzimas e ácidos que intervêm nesse processo.

A água também está presente nas frutas e hortaliças. Para quem não gosta do seu sabor, uma alternativa saudável são as infusões de ervas, que podem ser bebidas frias no verão e quentes no inverno, conforme o gosto de cada um, mas evite o café e chá preto (em excesso), que para além de serem estimulantes, são diuréticos, o que contribuem para a desidratação. As bebidas alcoólicas também produzem muita perda de líquidos.

Qual é a melhor para beber

Dentro de todas as águas minerais engarrafadas que vendem no mercado, a variedade é enorme e o conteúdo em minerais é o que marca a diferença. A melhor e mais recomendável é a água de mineralização débil, uma vez que possui mais capacidade para eliminar as toxinas. A água para poder rodear as células e arrastar as toxinas produzidas pelo corpo deve ter uma concentração de minerais inferior à água que está no interior das células. Outra vantagem das águas de mineralização débil, é que ao serem mais ligeiras, atravessam rapidamente as paredes intestinais, chegando antes a todas as partes do corpo.

Confira os rótulos das garrafas e escolha as que mencione mineralização débil, embora também a água da torneira seja outra opção, desde que seja apta ao consumo publico. Também não é aconselhável a água com gás porque pode causar gases e flatulências o que contribui para o aumento da barriga.

Não esperar a sentir sede

Com a idade a sensação de sede diminui, isto porque o mecanismo da sede já não funciona corretamente. A melhor forma é estabelecer o hábito de beber água ao longo do dia sem esperar a sentir sede. Muitas vezes, a sede representa um aviso tardio de desidratação do corpo.

Beber bastante água todos os dias é um hábito bom para a saúde e uma ajuda imprescindível na perda de peso. Todos os planos alimentares assim o indicam. No entanto, uma perda de peso com resultados visíveis e duradouros, vai muito mais além, que o simples consumo de água.

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Faça um comentário